POLÍTICAS PÚBLICAS E IGUALDADE DE GÊNERO

estratégias de resistência e existência

Autores

  • Amanda André de Mendonça Universidade Estácio de Sá - UNESA
  • Denize Sepulveda Universidade do Estado do Rio de Janeiro - FFP

Palavras-chave:

gênero, sexualidades, politicas públicas

Resumo

Neste dossiê procuramos reunir nesta edição da revista, textos com este espírito transformador, crítico e de resistência. Assim, xleitorxencontrará neste número artigos que abordam de que forma as chamadas políticas públicas pró igualdade, voltadas para os direitos das mulheres e população LGBTIA+, vem sendo impactado pela conjuntura que descrevemos. São ao todo treze artigos que, sob diferentes perspectivas, trazem análises e reflexões sobre as inúmeras tentativas de interdição do debate feminista e LGBTIA+ e o papel do Estado na garantia de políticas direcionadas para estes segmentos da sociedade

Biografia do Autor

Amanda André de Mendonça, Universidade Estácio de Sá - UNESA

Socióloga e mestre em educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Especialista em gênero e sexualidade pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ e doutora em Política Social pela Unversidade Federal Fluminense - UFF. Professora assistente desde 2014 da Universidade Estácio de Sá e professora substitura da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Referências

x

Downloads

Publicado

2021-03-30

Como Citar

DE MENDONÇA, A. A.; SEPULVEDA, D. POLÍTICAS PÚBLICAS E IGUALDADE DE GÊNERO: estratégias de resistência e existência. Communitas, [S. l.], v. 5, n. 9, p. 2–8, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufac.br/index.php/COMMUNITAS/article/view/4850. Acesso em: 18 abr. 2021.