A PEDAGOGIA SOCIAL E O ATO PEDAGÓGICO NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Autores

Palavras-chave:

pedagogia social; ato pedagógico; EJA; prática social; educação e diversidade.

Resumo

O que se propõe com o presente artigo é pensar a Educação de Jovens e Adultos (EJA), no contexto das novas demandas sociais e na perspectiva da efetivação da práxis pedagógica, para transformação e emancipação humana. A discussão fundamenta-se no pensamento pedagógico da pedagogia social Freiriana que expressa uma conectividade com o método dialético-diálogo como instrumento para a formação da consciência crítica. Neste sentido, a reflexão parte do olhar à cotidianidade da política da EJA em Mato Grosso, como substrato necessário para pensar-se a importância da pedagogia crítica no processo de construção da significação mediadora da prática pedagógica, que estimula o aprendizado humano para uma leitura crítica de mundo, no contexto da prática social. O ato pedagógico na EJA, considera o estudante como sujeito de conhecimento, no contexto da diversidade em que se afirma o compromisso com o resgate da educação para a justiça social, como exigência da educação para construção social do sujeito coletivo.

 

Referências

ARROYO, Miguel González. Educação de jovens-adultos: um campo de direitos e de responsabilidade pública. SOARES, Leôncio; GIOVANETTI, Maria Amélia Gomes de Castro; GOMES, Nilma Lino (Org.). Diálogos na educação de jovens e adultos. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.

ARROYO, Miguel G. Currículo, território em disputa. Petrópolis-RJ: Vozes. 2011.

ARROYO, Miguel G. Passageiros da noite: Do trabalho para a EJA: Itinerários pelo direito a uma vida justa. Petrópolis, RJ: Vozes. 2017.

BARBOSA, Raile Cabral; MELO, Maria Aparecida Vieira de. EJA/PROEJA entre nós e laços: recorte do memorial formativo do curso de especialização em EJA/PROEJA do IFRN. DIVERSITAS JOURNAL. Santana do Ipanema/AL, v. 6, n. 1, p.1478-1498, jan./mar. 2021.

BRASIL. Lei nº 9394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Básica (LDB): Brasília: MEC, 1996.

CARVALHO, Ademar de Lima. Formação e docência: processos críticos dialógicos. ZART, Laudemir Luiz; BITENCOURT, Loriége Pessoa(orgs.) In: Culturas e práticas sociais: leituras freireanas. Cáceres: Unemat Editora, 2020.17-38.

CARVALHO, Ademar de Lima. Os caminhos perversos da educação: a luta pela apropriação do conhecimento no cotidiano da sala de aula. Cuiabá-MT: Edufmt. 2005.

FÁVERI, José Ernesto de. Filosofia da educação: o ensino da filosofia na perspectiva freireiana. Petrópolis-RJ, vozes, 2006.

FÁVERO, Osmar. Paulo Freire, movimentos sociais e educação de Jovens e Adultos. STRECK, Danilo R.; ESTEBAN, Maria Teresa (Orgs) In: Educação popular: lugar de construção social coletiva. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013. 49-63.

FRANCO, Maria Amélia Santoro. Pedagogia como ciência da educação. 2ª ed. Revisada e ampliada. São Paulo: Cortez. 2008.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do compromisso: América Latina e Educação Popular/organização Ana Maria Araújo Freire. Rio de Janeiro/São Paulo: Paz e Terra. 2018.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 33ª.ed. – Rio de Janeiro: Paz e Terra. 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: Editora Unesp. 2000.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários á prática educativa. São Paulo: Paz e Terra. 1997.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. 3ª.ed.– Rio de Janeiro: Paz e Terra. 1994.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 18ª.ed- Rio de Janeiro: Paz e Terra. 1988.

FREIRE, Paulo. Conscientização: teoria e prática da libertação: uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. 3. ed. São Paulo: Moraes. 1980.

JARDILINO, José Rubens Lima; ARAÚJO, Regina Magna Bonifácio de. Educação de

Jovens e adultos: sujeitos, saberes e práticas. São Paulo: Cortez Editora, 2014.

KOHON, Walter Omar. Uma escola filosófica popular? GALLO, Sílvio; MENDONÇA, Samuel. In: A escola: uma questão pública. – 1ª ed. – São Paulo: Parábola, 2020. 179-191.

LUCKESI, Cipriano Carlos. O educador: qual o seu papel na contemporaneidade? D`ÁVILA, Cristina.In: Ser professor na contemporaneidade: desafios, ludicidade e protagonismo. – 1ª ed. – Curitiba: Editora CRV. 2010. p.41-52.

MATO GROSSO. Resolução nº 180/00 - CEE/MT. Secretaria de Estado de Educação. Conselho Estadual de Educação. Determina a criação dos Centros de EJA. Cuiabá: D.O.E., 05/09/2000.

MATO GROSSO. Portaria nº 393/2007/GS/SEDUC/MT. Secretaria de Estado de Educação. Determina a criação dos Centros de EJA. Cuiabá: D.O.E., 10/10/2007.

MATO GROSSO. Decreto nº 1.123/08- CEE/MT. Secretaria de Estado de Educação. Conselho Estadual de Educação. Determina a criação dos Centros de EJA. Cuiabá: D.O.E., 28/01/2008.

MATO GROSSO. Regras de Organização Pedagógicas/ROP. Secretaria de Estado de Educação, 2017.

PARO, Vitor Henrique. Diretor Escolar: educador ou gerente? São Paulo: Cortez Editora,

SCOCUGLIA, Afonso Celso. A teoria só tem utilidade se melhorar a prática educativa: as propostas de Paulo Freire. Rio de Janeiro: FAPERJ, 2013.

SHOR, Ira; FREIRE, Paulo. Medo e ousadia: o cotidiano do professor. Rio de Janeiro: Paz e Terra. 1986.

SILVA, M. L. Políticas Públicas de EJA em Mato Grosso (2002-2017) e Suas Implicações Administrativas, Políticas e Pedagógicas no CEJA de Cáceres – MT. 186f. Dissertação, Curso de Pós-graduação Stricto Sensu (Mestrado Acadêmico) Educação, Faculdade de Educação e Linguagem. Mestrado em Educação, Linha de Pesquisa da Formação de Professores, Políticas e Práticas Pedagógicas, Campus de Cáceres, Universidade do Estado de Mato Grosso. Cáceres, Mato Grosso, 2019.

SOBRIÑO, Encarnación. Ideologia e educação: Reflexões Teóricas e Propostas Metodológicas. São Paulo: Cortez: Autores Associados. 1986.

ZATTI, Vicente. Autonomia e educação em Immanuel Kant e Paulo Freire. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2007.

MATO GROSSO. SEDUC, 2020. Site Secretaria de Estado de Educação. Disponível em: http://www.mt.gov.br/web/seduc/-/15870574-seduc-planeja-remodelar-cejas-para-aumentar-locais-de-oferta-de-aulas-e-provas. Acesso em: 20 abr. 2021.

MATO GROSSO. Seduc vai ampliar EJA com Escola Integrada de Educação Básica; Cejas não serão fechados. Secretaria de Estado de Educação. Cuiabá, Mato Grosso: 2020. Disponível em:http://www.mt.gov.br/-/16008642-seduc-vai-ampliar-eja-com-escola-integrada-de-educacao-basica-cejas-nao-serao-fechados. Acesso em: 05 dez. 2020.

Downloads

Publicado

2021-09-29

Como Citar

DE LIMA CARVALHO, A.; SILVA DAVID, G. . A PEDAGOGIA SOCIAL E O ATO PEDAGÓGICO NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS. Communitas, [S. l.], v. 5, n. 11, p. 102–117, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufac.br/index.php/COMMUNITAS/article/view/5188. Acesso em: 24 out. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Temático