ABYA YALA E A COMUNIDADE EM FLORESCIMENTO:

decolonialidade e o processo de comunidade

Autores

Palavras-chave:

Decolonialidade; Comunidade; Modernidade; Walter Mignolo.

Resumo

Este ensaio procura estabelecer uma certa relação entre comunidade e os estudos sobre a decolonialidade. Pensadores como Jacques Rancière (2009) e Georges Bataille (1992) compreendem a comunidade como uma relação de partilha das experiências. O grupo Modernidade/Colonialidade com intuito de colocar tensão sobre as relações de exploração colonial que desenharam a lógica da modernidade, resgataram visões de conhecimento que foram deixados à margem da história moderna. A ideia de se naturalizar uma forma outra de conhecimento onde as interpretações de mundo partem justamente da experiência, subverte a lógica de um saber positivo em que a colonialidade do poder, do saber e do ser, provoca nas vidas e nos fazeres da sociedade. Como alternativa a essa determinada situação de controle, o fazer comunal que se assenta sob a fronteira dos conhecimentos contribui para estabelecer contatos outros e gerar partilhas entre as pessoas, ligadas não mais por uma constituição, mas sobretudo por experiências interiores.

Referências

BALLESTRIN, Luciana. América Latina e o giro decolonial. Revista Brasileira de Ciência Política, Brasília, nº11, p. 89-117, mai/ago, 2013.

BATAILLE, Georges. A experiência interior. São Paulo: Editora Ática, 1992.

ESPOSITO, Roberto. Communittas: origen y destino de la comunidadla. Buenos Aires: Amorrortu, 2003.

MIGNOLO, Walter. Desafios decoloniais hoje. Epistemologias do Sul: Pensamento Social e Político em/desde/para América Latina, Caribe, África e Ásia, Foz do Iguaçu, v.1, n° 1, p. 12-32, 2017.

NANCY, Jean-Luc. A Comunidade Inoperada. Rio de Janeiro: 7letras, 2016.

RANCIÈRE, Jacques. A partilha do Sensível. São Paulo: Editora 34, 2009.

RESTREPO, Eduardo; ROJAS, Alex. Inflexión decolonial: fuentes, conceptos y cuestionamientos. Popayán: Editorial Universidad del Cauca, 2010.

Downloads

Publicado

2021-08-02

Como Citar

SOARES, L. G. ABYA YALA E A COMUNIDADE EM FLORESCIMENTO:: decolonialidade e o processo de comunidade. Communitas, [S. l.], v. 5, n. 10, p. 55–62, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufac.br/index.php/COMMUNITAS/article/view/4797. Acesso em: 4 ago. 2021.