QUALIDADE DE VIDA NA VELHICE: UMA REFLEXÃO TEÓRICA

Rosimeire da Silva Moreira Mota, Maria Leticia Marcondes Coelho Oliveira, Eraldo Carlos Batista

Resumo


QUALIDADE DE VIDA NA VELHICE: UMA REFLEXÃO TEÓRICA

Resumo: A população idosa no mundo está aumentando significativamente, e viver com qualidade tornou-se um grande desafio. Estima-se que nas próximas décadas haverá um envelhecimento populacional crescente, o que necessitará de estudos sobre a compreensão do processo de envelhecimento com qualidade. Assim, esta pesquisa tem como descritores o envelhecimento, terceira idade, velhice, envelhecer, e qualidade de vida na terceira idade. Este estudo tem como objetivo compreender a qualidade de vida e o processo do envelhecimento. Para isso, realizou-se um levantamento bibliográfico com abordagem qualitativa exploratória. Os estudos mostram que os domínios: físicos, psicológicos, sociais e ambientais, dentre outros, impactam na qualidade de vida na velhice.

 Palavras-chave: Envelhecimento. Velhice. Qualidade de vida.

 

A STUDY ON QUALITY OF LIFE IN OLD AGE

Asbtract: The elderly population around the world is increasing significantly and quality living has become a great challenge. Is estimated to in the next decades there will be an increasing aging population, which will require studies on the understanding of the aging process quality. Thus, this research has the descriptors aging, senior adult, old age, aging, and quality of life in the senior adult. This study aims to understand the quality of life and the aging process. For this we carried out a bibliographic search with exploratory qualitative approach. The studies show that domains: physical, psychological, social and environmental, and others, impact on quality of life in old age.

 Keywords: Aging. Old Age. Quality of Life.

 

CALIDAD DE VIDA EN LA VEJEZ: UNA TEORÍA DEL REFLEJO

Resumen: La población de edad avanzada en el mundo está aumentando significativamente, y vivir con la calidad se ha convertido en un reto importante. Se estima que en las próximas décadas habrá una población que envejece cada vez mayor, lo que requerirá estudios sobre la comprensión del proceso de envejecimiento con calidad. Por lo tanto, esta investigación tiene como descriptores envejecimiento, la vejez, la vejez, el envejecimiento y la calidad de vida en la vejez. Este estudio tiene como objetivo comprender la calidad de vida y el proceso de envejecimiento. Para ello, hemos realizado una revisión de la literatura con enfoque cualitativo exploratorio. Los estudios demuestran que los dominios: físicos, psicológicos, sociales y ambientales, entre otros, afectan la calidad de vida en la vejez.

 Palabras-clave: Envejecimiento. La vejez. Calidad de vida.


Palavras-chave


Envelhecimento. Velhice. Qualidade de vida.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, L. F.; COUTINHO, M. P. L.; SANTOS, M. F. O Idoso nas Instituições Gerontológicas: um estudo na perspectiva das representações sociais. Psicologia & Sociedade; v.18 n.2, pp. 89-98; mai./ago, 2006.

Disponível em: . Acesso em: 03 abr. 2016.

AREOSA, S. V. C; BULLA, L. Contexto social e relações familiares: o idoso provedor.

In: Terceira Idade na UNISC: novos desafios de uma população que envelhece. EDUNISC. Santa Cruz do Sul, 2 ed. v. 36, p.126, 2010.

Disponível em: . Acesso em: 13 mar. 2016.

ARRUDA, I. E, A. Reflexões sobre o idoso e o programa Universidade da terceira idade. Revista Brasileira de Ciências do Envelhecimento Humano, Passo Fundo, v. 4, n.2, pp.94-113, jul./ dez. 2007. Disponível em: . Acesso em: 23 abr. 2016.

BEE, H. O Ciclo Vital. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

BRAGA, M. C. P. Qualidade de vida medida pelo WHOQOL-BREF: estudo com idosos residentes em Juiz de Fota/MG. Rev. APS, v. 14, n. 1, pp. 93-100; jan/mar, 2011. Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2016.

BRASIL. Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003. Dispõe sobre o Estatuto do Idoso e dá outras providencias. Diário Oficial da Unioa, Brasília, 2003. Seção 1. Disponível em: . Acesso em: 12 abr. 2016.

CAMARANO, A. A. Envelhecimento da população brasileira: uma contribuição demográfica. In: FREITAS, E.V.et al. Tratado de geriatria e gerontologia. 2ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006. Disponível em: . Acesso em: 23 mar. 2016.

CARNEIRO, R. S. et al. Qualidade de vida, apoio social e depressão em idosos; relação com habilidades sociais. Psicologia Reflexão e Critica, Rio Grande do Sul, v. 20, n. 02, p. 229-237, 2007. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2016.

FECHINE, A. O processo de envelhecimento: as principais alterações que acontecem com o idoso com o passar dos anos. Revista científica internacional, v. 1, n. 7, Jan./Març. 2012. Disponível em: .

Acesso em: 06 mar. 2016.

FLECK, M. P. A. et al. Aplicação da versão em português do instrumento abreviado de avaliação da qualidade de vida WHOQOL. Rev. Saúde publica, São Paulo, v. 34, n. 2, abr. 2000. Disponível em: . Acesso em: 25 mai. 2016.

FRAIMAN, A. P. Coisas da Idade. Alexa Cultural. São Paulo. 2004

FORTI, V. M. A. Influência do treinamento físico aeróbio dobre as respostas cardiovasculares e respiratórias em mulheres na menopausa com e sem terapia de reposição hormonal. Tese (Doutorado), Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1999. Disponível em: . Acesso em: 27 de out. 2016.

HAMILTON, I. S. A Psicologia do Envelhecimento: uma introdução. 3ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2002.

IGBE. Metodologia das estimativas das populações residentes nos municípios brasileiros para 1º de julho de 2008. Uma abordagem demográfica para estimar o padrão histórico e os níveis de subenumeração de pessoas nos censos demográficos e contagens da população. Rio de Janeiro.

. Acesso em: 12 mar. 2016.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de Metodologia Científica. 4ª ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MINAYO, M. C. S; HARTZ, Z. M. A.; BUSS, P. M. Qualidade de vida e saúde: um debate necessário. Ciênc. saúde coletiva, v.5, n.1, pp. 38-43. Rio de Janeiro, 2000. Disponível em: www.scielo.br/scielo.php?pid. Acesso em: 25 mai. 2016.

NERI, A. L. Qualidade de vida e idade madura. 8ª ed. Campinas/SP: Papirus, 1993.

OMS. Envelhecimento Ativo: uma política de saúde. Trad. Suzana Gontijo. Brasília: Organização Pan- Americana da Saúde, 2005.

PAPALIA, E. D., OLDS, W. S.; FEDMAN, D. R. Desenvolvimento humano. In: GLENN, H. J. Desenvolvimento Físico e Cognitivo na Terceira Idade. 8º ed. cap. 17-18, pp. 674-688. Porto Alegre: Artmed, 2006.

PARENTE, P. M. M. A. Cognição e envelhecimento. Porto Alegre: Artmed, 2006.

PASCHOAL, S. M. P. Qualidade de vida na velhice. In: FREITAS, E. V. et al. Tratado de geriatria e gerontologia. 2 ed. pp. 79-84. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.

Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2016.

PEREIRA, R. J. et al. Contribuição dos domínios físico, social, psicológico e ambiental para a qualidade de vida global de idosos. Rev. Psiquiatr, v.28, n.1 Porto Alegre, RS, 2006. Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2016.

PRESTES, M. L. M. A Pesquisa e a construção do conhecimento científico. 4ª ed. São Paulo: Rêspel, 2011.

ROLIM, F. S; FORTI, V. A. M. Envelhecimento e Atividade física: auxiliando na melhoria e manutenção da qualidade de vida. In: DIOGO, M. J. E; NERI, A. L; CACHIONI, M. (org). Saúde e qualidade de vida na velhice. Campinas, São Paulo: Alínea, 2004.

SANTANA, C. S. Velhice ou melhor idade? Dilemas éticos. O Mundo da Saúde, São Paulo, 2012. Disponível em: . Acesso em: 20 mai. 2016.

SANTOS, M. F. S. Diferentes modelos de velhice. Psicol. cienc. prof. v.31, n.3 Brasília, 2011. Disponível em: . Acesso em: 14 mai. 2016.

SILVA, F. S, E. Avaliação da Qualidade de Vida na Terceira Idade. (Trabalho de conclusão de curso.) Faculdade FAROL. Rolim de Moura - RO, 2012.

SILVA, L. R. F. Da velhice a terceira idade: o percurso histórico das identidades atreladas ao processo de envelhecimento. História, ciências, saúde- Manguinhos, Rio de Janeiro, v.15, nº 01, p.155-168, jan/mar. 2008. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Communitas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

     Licença Creative Commons Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

REVISTA COMMUNITAS - ISSN: 2526-5970 - Publicação Semestral dos Grupos de Pesquisas em Políticas, Práticas e Currículos (GpPPC) e do Grupo de Estudos Comparados e Temáticos em Literatura e Direitos Humanos (LiDH) da Universidade Federal do Acre.

QUALIS B1 (2017/2018)