INTERDISCIPLINARIDADE:

explorando o tema Educação Financeira na EJA

Autores

Palavras-chave:

educação crítica; interdisciplinaridade; educação financeira; EJA.

Resumo

Este trabalho apresenta um estudo referente ao desenvolvimento do tema Educação Financeira, na Educação de Jovens e Adultos (EJA). A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) indica seis macroáreas temáticas que discutem questões sociais que podem viabilizar uma prática escolar voltada para a compreensão da realidade social e dos direitos e responsabilidades em relação à vida pessoal, coletiva e ambiental, que devem ser incorporadas no Currículo Escolar de forma transversal, sendo uma dessas temáticas a Educação Financeira, que possibilita abordar no currículo assuntos importantes para a vida em sociedade, como finanças, economia e meio ambiente. O referencial teórico que subsidiou esse trabalho envolve a Educação Crítica e a Interdisciplinaridade. A pesquisa foi de base qualitativa e teve o objetivo de investigar as contribuições da utilização do tema Educação Financeira no Ensino de Ciências e Matemática na modalidade EJA, buscando revisar e aprofundar os conhecimentos referentes ao salário mínimo, cesta básica, pirâmide alimentar, qualidade de vida, custo de vida, porcentagem, regra de três, operações com números decimais, tendências de medida central, gráficos estatísticos, bem como auxiliar na formação desses estudantes para a tomada de decisões envolvendo essa temática. Foi realizado um experimento, com alunos das totalidades finais da EJA, em Porto Alegre, durante 8 horas. Os resultados indicam que o tema Educação Financeira quando trabalhado de forma interdisciplinar pode oportunizar o desenvolvimento de conhecimentos específicos de Matemática e Ciências necessários para a tomada de decisões conscientes a partir da análise reflexiva e crítica de situações envolvendo o salário mínimo.

Referências

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Características da investigação qualitativa. In: BOGDAN, R.C.; BIKLEN, S.K. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1994. p. 47- 51.

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília: MEC/SEF, 1998. (subtítulo sem destaque). Local de edição: Editora, ano de edição.

______. Ministério da Educação. Base Comum Curricular. Brasília: MEC, 2016. Disponível em:

<http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf>. Acesso em: 02 agos.2020.

______. Ministério da Educação. Temas Contemporâneos Transversais na BNCC: Propostas de Práticas de Implementação. Brasília: MEC, 2019. Disponível em:

<http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/implementacao/guia_pratico_temas_contemporaneos.pdf >. Acesso em: 02 agos.2020.

GROENWALD, C. L. O.; OLGIN, C. de A. Educação financeira no currículo de matemática do ensino médio. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 11, n. 2, p. 158-180, mai.-ago. 2018.

FAZENDA, I. C. A. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. São Paulo: Papirus, 2008.

JAPIASSU, H. Interdisciplinaridade e patologia do saber. Rio de Janeiro: Imago, 1979.

MORIN, E. Educação e Complexidade: os sete saberes e outros ensaios. São Paulo: Cortez, 2002.

OLGIN, C. A. Critérios, possibilidades e desafios para o desenvolvimento de temáticas no Currículo de Matemática do Ensino Médio. 265 p. Tese, Doutorado em Ensino de Ciências e Matemática, Universidade Luterana do Brasil, Canoas, 2015.

SANTOMÉ, J. T. Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Porto Alegre: Artmed, 1998.

SILVA, J. R. O ensino de arte e a interdisciplinaridade no ensino fundamental: o caso da escola estadual Augusto dos Anjos. 2013. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual da Paraíba, Centro de Educação, 2013.

SKOVSMOSE, O. Hacia una filosofía de la educación matemática crítica. Traduzido por Paola Valero. Bogotá: Universidade de los Andes, 1999.

_____. Educação Crítica: incertezas, matemática, responsabilidade. Traduzido: Maria Aparecida Viggiani Bicudo. São Paulo: Cortez, 2007.

_____. Educação Matemática Crítica: a questão da democracia. 3. ed. Campinas: Papirus, 2015.

Downloads

Publicado

2021-09-29

Como Citar

OLGIN, C.; SILVA, L. INTERDISCIPLINARIDADE:: explorando o tema Educação Financeira na EJA. Communitas, [S. l.], v. 5, n. 11, p. 36–55, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufac.br/index.php/COMMUNITAS/article/view/5347. Acesso em: 24 out. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Temático