TODA A HISTÓRIA DA SUA VIDA

O QUE A SÉRIE BLACK MIRROR PODE DIZER ÀS NOSSAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS

Palavras-chave: Black Mirror, Memória Digital, Ética, Privacidade, Pensamento Computacional

Resumo

Nos últimos anos, a tecnologia experimentou avanços importantes. A série de televisão britânica "Black Mirror" destaca vários cenários em que esses ditos avanços poderiam potencialmente levar a uma sociedade distópica. Este artigo tem foco no terceiro episódio da primeira temporada de Black Mirror, intitulado “The Entire History of You”. O episódio é ambientado em um mundo no qual a maioria dos humanos tem um dispositivo chamado “Grain” implantado em seus corpos. O Grain captura as imagens vistas pelos olhos do usuário e as registra, para que possa assistir momentos anteriores de sua vida. O objetivo do artigo é tomar o episódio descrito como ponto de partida para discutir seu contexto no âmbito educacional em três perspectivas, o artefato em si, e sua possível inserção no cenário educacional; a questão ética envolvida, que permeia e deve ser debatida; e, a defesa de uma modernidade onde a tecnologia deve ser parte do cenário educacional para habilitar a cidadania no mundo digital.

Referências

MEGILL, A. History, Memory, Identity. In: Jeffrey K. Olick, Vered Vinitzky-Seroussi and Daniel Levy (eds.), The Collective Memory Reader. New York: Oxford University Press, 193-197 (2004). (Excerpted from “History, Memory, Identity,” History of the Human Sciences, August 1998, 11: 37-62), 2004.
RODRIGUES, J., BAIÃO, F., SANTORO, F., CAPPELLI, C.: Cyberspace: Towards an Ontology of the External Digital Contemporary Memory. In: Twenty-third Americas Conference on Information Systems, 2017.
WILEY, D. A. The learning objects literature. In: SPECTO, J. M.; MERRIL, M. D.; MERRIENBOER, J. V. DRISCOLL, M. P. (Eds.). Handbook of research on educational communications and technology. New York, LEA, 2008, p.345-353.
NEVES, M.S. A Educação pela Memória. Revista TEIAS, Rio de Janeiro: PROPED/UERJ, v. 1, n. 1, 2000.
SOLOVE, D. J. Understanding Privacy. Harvard University Press, pp.1-4, 2008.
RAAD, E., CHBEIR, R. Privacy in Online Social Networks. Security and Privacy Preserving in Social Networks. Springer-Verlag Wien, pp.3-45, 2013.
KRISHNAMURTHY, B., WILLS, C.E. Characterizing privacy in online social networks. 1st Workshop on Online social networks (WOSN '08). ACM, New York, USA, 37-42, 2008.
CUPANI, A. Filosofia da Tecnologia: Um convite. 2ª Edição, Florianópolis: Editora UFSC, 2011.
MUMFORD, L. The myth of the machine. New York, H.B. Jovanovich, 2 vols., 1967-1970.
FEENBERG, A. Transforming technology: a critical theory revisited. 2nd ed. p. cm. Rev. ed. of: Critical theory of technology, 1991. New York: Oxford University Press, Inc., 2002.
ADORNO, T., HORKHEIMER, M. Dialética do Esclarecimento: fragmentos filosóficos. Tradução: Guido Antonio de Almeida. Rio de Janeiro: Zahar, 1985.
Publicado
2020-05-29
Como Citar
Santoro, F. (2020). TODA A HISTÓRIA DA SUA VIDA: O QUE A SÉRIE BLACK MIRROR PODE DIZER ÀS NOSSAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS. REVISTA COMMUNITAS, 4(7), 159-167. Recuperado de https://periodicos.ufac.br/index.php/COMMUNITAS/article/view/2797
Seção
Dossiê Temático