POLÍTICA LINGUÍSTICA EM CONTEXTO DE IMIGRAÇÃO E REFÚGIO: O PLANEJAMENTO DO ENSINO DE PORTUGUÊS COMO LÍNGUA DE ACOLHIMENTO NO ÂMBITO DO DISTRITO FEDERAL

  • Lorena Poliana Silva Lopes CEFET-MG
  • Eduardo Melo Rebouças Instituto Federal de Brasília - IFB
  • Umberto Euzebio Universidade de Brasília - UNB

Resumo

O tema norteador deste trabalho é o ensino de Português como língua não-materna a comunidades de imigrantes e refugiados, em caráter de política linguística e de política pública de acolhimento e de cooperação entre Estados-nação. Seu objetivo principal é dar visibilidade aos aspectos Planejamento de curso e Planejamento de aula de um curso de português como língua de acolhimento desenvolvido no Distrito Federal. Algumas questões relevantes são: (i) quais são os agentes comprometidos com esse planejamento?; (ii) qual a importância do planejamento para a implementação de um curso de línguas para refugiados e imigrantes?; e, (iii) quais são os elementos desse planejamento? Metodologicamente, adota-se as concepções teóricas de política linguística e de planejamento de Calvet (2007); Haugen (1964) e Rajagopalan (2013, 2014), e as concepções de planejamento de curso e de aula de Almeida Filho (1997, 2011) e Oliveira (2015). Como resultados parciais aponta-se que: (i) a elaboração e implementação do PLAc no DF têm sido viabilizadas por meio de parcerias como a do IMDH; (ii) há indícios de que a Secretaria de Estado de Educação do DF passou a se compromissa com essa política de acolhimento.

Biografia do Autor

Eduardo Melo Rebouças, Instituto Federal de Brasília - IFB

Licenciado em Letras – Português do Brasil como Segunda Língua. Mestre em Linguística e doutorando em Linguística pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGL), da Universidade de Brasília (UnB). Professor do Instituto Federal de Brasília (IFB).

Umberto Euzebio, Universidade de Brasília - UNB

Doutor em Zootecnia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.
Pesquisador colaborador da Universidade de Brasília (UnB) no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento, Sociedade e Cooperação Internacional do Centro de Estudos Avançados e Multidisciplinares – PPGDSCI/CEAM. Professor Aposentado pela Universidade de Brasília.

Publicado
2019-12-31
Como Citar
Poliana Silva Lopes, L., Melo Rebouças, E., & Euzebio, U. (2019). POLÍTICA LINGUÍSTICA EM CONTEXTO DE IMIGRAÇÃO E REFÚGIO: O PLANEJAMENTO DO ENSINO DE PORTUGUÊS COMO LÍNGUA DE ACOLHIMENTO NO ÂMBITO DO DISTRITO FEDERAL. MUIRAQUITÃ - REVISTA DE LETRAS E HUMANIDADES, 7(2). https://doi.org/10.29327/212070.7.2-13
Seção
DOSSIÊ