"O WALDEMAR HENRIQUE NÃO É LUGAR IDEAL PARA SHOWS DE ROCK”:

CIRCUITO DA “MÚSICA PESADA” E POLÍTICA CULTURAL NA HISTÓRIA SOCIAL DO MUNDO ARTÍSTICODO HEAVY METAL EM BELÉM-PA (1993-1996)

  • Bernard Arthur Silva UNIFESSPA
  • Franknaldo Silva Oliveira Universidade Federal do Pará (UFPA)

Resumo

O presente artigo busca problematizar as alterações do mapa de Metal da cidade de Belém-PA (1993-1996) (JANOTTI JÚNIOR, 2004; SILVA, 2014; VASCONCELLOS, 2012),focando nas modificações dos mundo (BECKER, 2010) e circuito (MAGNANI; SOUZA 2007) metálico underground (WEINSTEIN, 2000), local (espaços de shows, locais de encontro e fluxos de headbangers) e política cultural estadual de acesso e uso de espaços públicos (Teatro Experimental Waldemar Henrique) para shows de Heavy Metal. Através de jornais (O Liberal e A Província do Pará) e entrevistas gravadas, percebeu-se mudanças nas espacialidades, sociabilidade e presença do Heavy Metal local em logradouros públicos após o 3º Rock 24 Horas, evento-chave da produção roqueira paraense (SILVA, 2010, 2014). Objetivou-se, com esse estudo, realizar uma História Social do Heavy Metal (HOBSBAWM, 1989) em diálogo com a Sociologia Interacionista (BECKER, 2010) e a Antropologia Urbana (MAGNANI; SOUZA, 2007).Os fatos do Heavy Metal, entre 1990 e 1993, ter sido consagrado como estilo número 1 no cenário do rock paraense e, abridor do crescimento de um possível mercado de rock para as bandas locais (MACHADO, 2004), mas logo depois do 3º Rock 24 Horas, passar por mutações significativas em tais elementos, justificaram as construções das dúvidas desse texto.

PALAVRAS-CHAVE: Circuito; Heavy Metal; História Social; Mundo Artístico; Política Cultural.

Biografia do Autor

Bernard Arthur Silva, UNIFESSPA

Graduado em História pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Mestre em História Social da Amazônia pela mesma instituição (PPHIST/UFPA). Professor Assistente Nível I da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (FCH/UNIFESSPA/CAMPUS XINGUARA). Leciona a disciplina História do Brasil no Curso de Licenciatura em História.

Franknaldo Silva Oliveira, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Cientista Social, formado pela Universidade Federal do Pará (UFPA), com ênfase em Sociologia

Publicado
2020-11-23