O MARAGATO BEDUÍNO:

aspectos da escrita da história de Manoelito de Ornellas (1948)

  • Pâmela Cristina de Lima Universidade de Passo Fundo

Resumo

Escrevendo em um momento de transição dentro do IHGRGS, e atuando como expoente da nova vertente regionalista deste, Manoelito de Ornellas traçou um paralelo entre o habitante do Rio Grande e o beduíno, atendo-se principalmente a elementos culturais destes. No presente artigo, buscamos analisar como o autor, por meio de sua escrita da história, concebe as influências dos beduínos na formação do gaúcho, atendo-nos aos caracteres psicológicos e culturais.

Publicado
2020-05-20