Revistas

  • Navegações: revista de estudo e pesquisa em educação

    Navegações: revista de estudo e pesquisa em educação tem como foco e escopo a publicação de trabalhos científicos/acadêmicos originais, o incentivo à pesquisa e ao debate da área da Educação, centrados nas suas relações com a sociedade. Os trabalhos encaminhados para publicação deverão ser inéditos, em meios eletrônicos, não sendo permitida a sua apresentação simultânea para avaliação em outro periódico. Navegações é publicada de forma contínua, organizada por um único número anual, recebe artigos inéditos de autores brasileiros ou estrangeiros e que estejam dentro do campo de pertinência do tema proposto.

  • Das Amazônias

    Revista Discente vinculada à área de História do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Acre (CFCH/UFAC), com periodicidade semestral. Tem por objetivo mobilizar e envolver pesquisadores, professores e estudantes de graduação e pós-graduação das áreas de Ciências Humanas, Educação e Linguagens, bem como manter relações com as experiências de professores da educação básica e de movimentos sociais das florestas e cidades amazônico-andinas.

    As contribuições, na forma de artigos, entrevistas, resumos e resenhas, poderão ser livres ou vinculadas a dossiês temáticos organizados por profissionais dos cursos de História da UFAC e outras instituições.


  • Scientia Naturalis

    A revista eletrônica Scientia Naturalis, do Centro de Ciências Biológicas e da Natureza - CCBN/Ufac, destina-se a publicação de trabalhos científicos originados de pesquisas nas áreas de Química, Física, Ciências Biológicas, Ciências Agrárias e Ensino de Ciências, nas modalidades de artigos científicos, relatos de experiência, notas técnicas, além de trabalhos associados a eventos nacionais e internacionais e revisões bibliográficas, dentro das áreas de interesse do periódico.

    | Ano de criação: 2019  |  Periodicidade: Semestral  |  ISSN: 2596-1640  

    A revista está recebendo trabalhos em suas áreas de abrangência. A submissão requer cadastro em nosso sistema e seguir as diretrizes para os autores.
  • REVISTA GEADEL

    A Revista GEADEL – Grupo de Estudos em Análise do Discurso e Ensino de Línguas é um periódico eletrônico, de periocidade semestral, vinculado ao CELA (Centro de Educação, Letras e Artes), que tem por objetivo publicar artigos, resenhas, tradução e ensaios de pesquisas desenvolvidas pela comunidade acadêmica nacional e internacional, bem como por seus colaboradores, de modo a contribuir para o estímulo à pesquisa, para a produção e divulgação das redes de conhecimento. A Revista GEADEL aceita textos vinculados à área da Linguística e Ensino de Línguas, em fluxo contínuo, a partir de propostas temáticas noticiadas em seus números.
  • Revista TXAI de Artes Cênicas

    Revista voltada para a publicação da produção científica de artes cênicas na região norte integrando docentes das instituições: UFAC, UEA, UFT e UNIR.
  • Revista Educar para Transformar

    Revista interdisciplinar editada pelo corpo docente dos cursos de: Artes Cênicas: Teatro e Música para a divulgação dos trabalhos produzidos pelo Núcleo de Pesquisa Educar para Transformar e do Seminário de Arte Educação.
  • Revista Xiringa de Artes Cênicas

    A Revista Xiringa de Artes Cênicas possui a finalidade de receber artigos feitos por discentes de cursos superiores de artes cênicas e introduzir para os estudantes do curso de artes cênicas: teatro da Universidade Federal do Acre os princípios de editoração de revistas científicas.
  • ACTA CIENTÍFICA DA AMAZÔNIA OCIDENTAL

    Peródico científico nas áreas de medicina veterinária, medicina e ciências biológicas, com o objetivo de divulgar trabalhos de pesquisa científica oriundos de diferentes instituições, em todas as áreas do conhecimento
  • Revista em Favor de Igualdade Racial

    Revista Em Favor de Igualdade Racial é uma publicação semestral e tem como proposta fomentar discussões sobre práticas de promoção de igualdade racial no Estado do Acre, que possibilitem enfrentar o racismo em diferentes instituições e instalar relacionamentos étnico-raciais democráticos nos diferentes espaços. Visto que esta é uma temática que perpassa todas as áreas do saber de nossa sociedade, a revista tem como objetivo fortalecer a luta por igualdade racial no Estado do Acre, levando conhecimento teórico-metodológico e socializando iniciativas exitosas já realizadas nesta temática, sendo apresentadas, essas experiências, através de diversos trabalhos acadêmicos de diferentes cursos bem como segmentos sociais interessados em promoção de igualdade racial.

    ISSN: 2595-4911 

  • JAMAXI

    Jamaxi: Revista de História e Humanidades é um periódico eletrônico, semestral, editado sob a responsabilidade dos cursos de licenciatura e bacharelado em História da Universidade Federal do Acre e da Associação Nacional de História – ANPUH/Seção Acre, sem fins lucrativos, com o intuito de propiciar o intercâmbio, circulação e difusão de estudos e pesquisas nas áreas de Ciências Humanas, educação e linguagens. 

    Tem como objetivo mobilizar e envolver pesquisadores, professores e estudantes de graduação e pós-graduação de universidades dessa macro região, bem como manter relações com as experiências de professores da educação básica e de movimentos sociais das florestas e cidades amazônico-andinas.

    As contribuições, na forma de artigos, entrevistas, resumos e resenhas, poderão ser livres ou vinculadas a dossiês temáticos organizados por profissionais dos cursos de História da Ufac, ANPUH - Seção Acre e outras instituições.

    ISSN: 2594-5173

    Chamada para publicação Revista Jamaxi

     

    DOSSIÊ: CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA DA UFAC: 40 ANOS EM DEFESA DA DEMOCRACIA

    Organização: Prof.ª Dr.ª Maria José Bezerra

    O curso de licenciatura plena em História se efetivou na Universidade Federal do Acre (UFAC) a partir do ano de 1979, portanto, completa 40 anos em 2019. Nesse período, teve sua trajetória marcada pela defesa da democracia e da liberdade de expressão e pensamento, explicitando a heterogeneidade característica dos múltiplos territórios sociais existentes nessas diversas Amazônias.

    Em 40 anos de existência, foram várias as produções acadêmicas constituídas por docentes e discentes do curso. Em sua maioria, abordaram temáticas relacionadas aos diferentes modos de vida existentes nas Amazônias. Trataram sobre povos indígenas, seringueiros, habitantes de áreas urbanas, ribeirinhos e outros atores sociais que viveram/vivem na região.

    A perspectiva dessa edição da Revista de História Jamaxi, é construir um dossiê que reúna artigos de docentes que atuaram e atuam na área de História do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Acre - CFCH. A pretensão é reunir escritos que expressem os diversos lugares de fala que perpassaram/perpassam a mencionada área. Também busca-se problematizar com a concepção que reduz as produções acadêmicas locais a um contexto meramente “regional”, não compreendendo-as como expressões da diversidade de culturas e organizações sócio-política-econômicas existentes no Brasil.

    Especificamente para esse dossiê, serão aceitos artigos inéditos com, no mínimo 10 (dez) e, no máximo, 15 (quinze laudas). Os artigos deverão ser enviados para o e-mail: revistahistoriajamaxi@gmail.com. As diretrizes obrigatórias para os (as) autores (as) (normas para publicação), devem ser acessadas em link disponível na Revista Jamaxi: http://revistas.ufac.br/revista/index.php/jamaxi/about/submissions#authorGuidelines.

    O prazo final para o recebimento de artigos será o dia 31 de maio de 2019, não prorrogável.

     

     

  • REVISTA COMMUNITAS

    Revista Communitas  é uma publicação semestral, voltada para a publicação de textos inéditos na área de Educação, Letras, Linguística e áreas afins das Ciências Humanas. A revista publica artigos e resenhas e conta com a colaboração de pesquisadores nacionais e estrangeiros. Os trabalhos encaminhados para publicação devem ser inéditos, em meios eletrônicos, não sendo permitida a sua apresentação simultânea para avaliação em outro periódico.

    ISSN: 2526-5970 | Ano de criação: 2017 | Área do conhecimento: Educação e Letras | Periodicidade: Semestral | Qualis: B1 (2017/2018) | DOI: em registro

  • UÁQUIRI. A Geografia e a Amazônia em Questão

    Revista do Departamento de Geografia da Univrsidade Federal do Acre.
  • ARIGÓ - Revista do Grupo PET e Acadêmicos de Geografia da Ufac

    A Revista Arigó, permite aos bolsistas do PET Geografia e alunos dos cursos da referida área da UFAC, um canal para divulgação e publicação dos seus trabalhos acadêmicos, no âmbito da pesquisa, da extensão, ensino e demais reflexões geográficas.

  • REVISTA DE INICIAÇÃO E PRÁTICAS DOCENTES

    A REVISTA DE INICIAÇÃO E PRÁTICAS DOCENTES é uma iniciativa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência na Universidade Federal do Acre (Pibid Ufac).

    O periódico é um canal de divulgação da produção de conhecimento sobre a temática da formação inicial e continuada de professores, em diálogo interdisciplinar com os cursos de licenciatura e demais programas de formação de professores para a educação básica. É dirigido ao público de pesquisadores, professores e estudantes de graduação e de pós-graduação a fim de promover o intercâmbio de pesquisas, experiências metodológicas e relatos da articulação entre teoria e prática na formação docente. 

  • MUIRAQUITÃ - REVISTA DE LETRAS E HUMANIDADES. ISSN: 2525-5924

    A demanda pelo ensino de português para estrangeiros (como segunda língua/língua adicional) tem aumentado nas últimas décadas – sobretudo pela inter-relação do Brasil com outros países – sendo a criação do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF), em 2015, uma importante ação governamental para ampliação e divulgação do ensino e aprendizagem de português como língua não materna. Essa área vem recebendo maior visibilidade, o que possibilitou a oferta de cursos de português para falantes de outras línguas em instituições, onde essa prática não existia e, também, a expansão de Polos Aplicadores do Celpe-Bras – Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros – a exemplo da Universidade Federal do Acre/Ufac. Atualmente, após todas as conquistas do Programa, vivemos um tempo de incertezas e retrocessos com a ameaça de extinção do IsF e/ou a falta de apoio financeiro do MEC para a oferta de cursos de línguas nas Instituições de Ensino Superior no país. Nesse sentido, a chamada para o Dossiê “Ensino e aprendizagem de Português como língua Estrangeira, Segunda língua/língua adicional: diálogos com estudos de língua(gens) de caráter multi/inter/trans/indisciplinar” da Muiraquitã – Revista de Letras e Humanidades (Qualis A3) do Programa de Pós-graduação em Letras: Linguagem e Identidade da Universidade Federal do Acre visa reunir artigos de pesquisadores e pesquisadoras do Brasil e do exterior sobre essa temática, de forma a possibilitar não só um espaço de discussão, mas também enfatizar a importância da efetivação de políticas linguísticas voltadas para a Internacionalização da Língua Portuguesa e das Instituições de Ensino Superior.  

     

    Os artigos, ensaios, entrevistas ou resenhas deverão ser submetidos ao sistema eletrônico da revista no link: http://revistas.ufac.br/revista/index.php/mui/index até o dia 30 de setembro de 2019.

    As diretrizes para autores e outras informações adicionais podem ser acessadas pelo link:

    http://revistas.ufac.br/revista/index.php/mui/about/submissions#authorGuidelines

    Acesso aos volumes anteriores:

    http://revistas.ufac.br/revista/index.php/mui/issue/archive

    Prof. Dr. Shelton Lima de Souza (UFAC/PPGLI/GEADEL/Laboratório de Interculturalidade (Labinter)/Coordenador do Posto Aplicador Celpe-Bras)

    Profa. Dra. Paula Tatiana da Silva Antunes (UFAC/PPGLI/GEADEL/IsF-Português para Estrangeiros)

  • PSICOLOGIAS

     ISSN 2446-7138 

    Psicologias é um periódico anual (ABRIL/2015) do Curso de Psicologia - Centro de Filosofia e Ciências Humanas, da Universidade Federal do Acre e tem como público alvo pesquisadores, docentes, discentes e profissionais das áreas de Humanidades e Saúde.

    O objetivo principal consiste no incentivo à produção e divulgação do conhecimento científico, priorizando a publicação de artigos originais que relatam os resultados de pesquisas, estudo (s) de caso (s) e relato (s) de experiência nas áreas acima descritas e que se relacionem à Psicologia. Os trabalhos podem ser submetidos em português, inglês ou espanhol.

    Os trabalhos submetidos à Revista Psicologias serão avaliados pelo Conselho Editorial e Membros Associados, em todos os aspectos éticos, a fim de que sejam avaliados casos de má conduta e plágio.

  • SOUTH AMERICAN JOURNAL EBTT

    Periódico de publicação digital, gratuito e quadrimestral organizado por docentes do Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Acre, Rio Branco-AC, Brasil, e em colaboração com docentes de outras instituições de ensino espalhadas pelo mundo. Publica manuscritos relacionados ao campo do Ensino, Educação e as suas relações Interdisciplinares, resultantes de pesquisas, estudos teóricos, problematizações sobre práticas concretas e/ou debates polêmicos atualizados. Nas seguintes modalidades: Editoriais, Artigos Científicos, Comunicações Breves, Relatos de Caso e Experiência. Anualmente publicará o Dossiê em Educação. Serão aceitos manuscritos submetidos em português, como idioma principal, e ainda, em inglês ou espanhol como idiomas secundários. O periódico organiza suas submissões nas sessões de Editorial, Ciências da Vida (CV), Humanidades (HUM), Ciências Exatas Tecnológicas e Multidisciplinar (CET).
  • REVISTA ANTHESIS

    REVISTA ANTHESIS, publicação semestral do Centro de Educação e Letras do Campus Floresta da Universidade Federal do Acre, recebe em fluxo contínuo artigos originais e inéditos, referentes às áreas da Letras (Linguística e Literatura) e áreas afins das Ciências Humanas, considerando a linha editorial da Revista, tratamento dado ao tema, consistência e rigor.  

    Fluxo: contínuo | Periodicidade: Semestral | Área: Educação, Linguística e Literatura | ISSN: 2317-0824 | Qualis Capes: B5 (Linguística e Literatura) B4 (Interdisciplinar) C (Educação)

  • Journal of Amazon Health Science

    A JOURNAL OF AMAZON HEALTH SCIENCE, editada pela Universidade Federal do Acre, é um periódico eletrônico trimestral que tem o foco em publicações da área da Ciências da Saúde e do Exercício Físico e áreas afins envolvendo as seguinte subáreas: Educação Física, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Saúde Coletiva e Terapia Ocupacional. Tem a missão de publicar preferencialmente estudos nacionais e internacionais em uma abordagem interdisciplinar na grande área da ciências da saúde em uma perspectiva na qualidade de vida, promoção da saúde e da atividade física e esporte.

  • ANAIS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFAC

    Divulgacao dos resumos de inciação científica da Universidade Federal do Acre.
  • TROPOS: COMUNICAÇÃO, SOCIEDADE E CULTURA

    A Revista Tropos: Comunicação, Sociedade e Cultura é uma publicação semestral editada pela Universidade Federal do Acre – UFAC, vinculada aos grupos de pesquisa Comunicação, Sociedade e Cultura e Mídias, Imaginário e Representação – Uma Cartografia das Amazônias (Mirca) do curso de Comunicação Social/Jornalismo da UFAC. A revista é atualmente classificada como B3 na área Linguística e Literatura, B5 na área de Comunicação e Informação e Ciência política e relações internacionais. Possui caráter científico e é a primeira do referido curso, sendo dedicada, preferencialmente, a publicação de textos inéditos nas áreas de Comunicação e Humanidades com foco multidisciplinar. 


    Convidamos os pesquisadores a enviar contribuições dentro das áreas de conhecimento propostas pela revista.


    1. Jornalismo e Sociologia, 2. Teorias da Comunicação, 3. Estudos Culturais e de Gênero, 4. Narrativas Audiovisuais, 5. Semiótica, 6. Comunicação e Cultura Visual, 7. Jornalismo e Literatura, 8. Educação para os media, 9. Comunicação e Saúde, 10. Assessoria de Comunicação, 11. Interações midiatizadas

     

    A primeira edição de 2019 será publicada em Julho.

    A segunda edição de 2019 será publicada em Dezembro.

    Data limite para submissões no primeiro semestre: 15 de maio de 2019.

    Data limite para submissões no segundo semestre: 30 de setembro de 2019

     


     

    Além das submissões com temas livres, a Revista organiza o seu segundo dossiê intitulado “A Nova Era Dourada da Televisão: As Séries Contemporâneas”

     

    Editores do Dossiê: José Duarte (CEAUL- Universidade de Lisboa), Ana Daniela Coelho (CEAUL- Universidade de Lisboa) & Hermínia Sol (CEAUL - Instituto Politécnico de Tomar)


    As submissões estão abertas até 20 de dezembro de 2019.


    Lançamento do dossiê: Julho de 2020


    Vivemos numa nova era para as séries de televisão, com mais e melhores programas a serem produzidos todos os dias (McCabe & Akass, 2007) não só para diferentes canais (CBS, Fox, HBO, Showtime), mas também para diferentes plataformas (Netflix, Hulu, Amazon Prime), para não falar da crescente popularidade das web séries. A “Era Dourada” da televisão que estamos a viver é geralmente vista como tendo tido início na segunda metade da década de 1990/início dos anos 2000 até hoje, com séries cujos episódios têm uma maior duração: The Sopranos (1999-2007), Six Feet Under (2001-2005), Downton Abbey (2010-2015), passando pelos mais recentes fenómenos Game Thrones (2011-2019), Narcos (2015-), Stranger Things (2016-), 3% (2016-) ou Casa de Papel (2017-); mas também séries com episódios de curta duração como The Big Bang Theory (2007-2019), Modern Family (2009-) ou Black-ish (2014-).


    Estas representam apenas uma pequena fracção de uma onda de criações sofisticadas que têm vindo a aumentar em quantidade e qualidade, dando mais opções aos espectadores, mas também aos realizadores, actores, produtores e a todos aqueles que estão envolvidos nessas produções. Para alguns (JEFFREY, 2018), este aumento pode ser um problema, pois isto também significa que os espectadores podem sentir-se assoberbados por tantas séries. Para outros, é uma oportunidade única para perceber o que as séries de televisão têm para oferecer e como podem desafiar o espectador com a sua “capacidade para centrar-se em elementos do mundo real” e explorar temas contemporâneos e actuais – políticos, culturais, sociais ou outros (SHUSTER, 2018).


    Tendo isto em conta – e conscientes também de que este é um debate ainda a decorrer – e apesar dos diversos estudos sobre novas séries de televisão, é necessário continuar a discutir a importância e significado destas séries por via da cultura, dos seus modos de produção e da sua história. Para além disso, é importante criar um espaço para debater algumas destas ideias. Assim, os editores deste dossiê temático convidam os autores interessados a apresentarem propostas sobre os diferentes aspectos desta “Era Dourada” – entre 2000-2019 – sobre séries criadas por diferentes nações (ou em co-parceria) e a forma como estas se relacionam com a nossa contemporaneidade. Os tópicos sugeridos incluem:


    - Séries de televisão e a contemporaneidade;


    - Séries de televisão enquanto documentos históricos;


    - Novos modos de produção e co-produção;


    - Gêneros e subgêneros;


    - Identidade e cultura nacional e/ou internacional;


    - Abordagens interdisciplinares;


    - Adaptações, remakes, reboots, sequelas, prequelas, etc.;


    - As séries criadas por fãs;


    - A nova Era Dourada?


    Todos os interessados poderão enviar propostas, entre 12-25 páginas, em Português ou Inglês. Para submeter a sua proposta siga o link: http://revistas.ufac.br/revista/index.php/tropos/about/submissions#onlineSubmissions


    Quaisquer questões podem ser dirigidas aos editores através do e-mail oficial deste dossiê: tvseriesdossier@gmail.com     


    “Reading the New Golden Age of Television: On Contemporary Series”


    José Duarte (CEAUL- Universidade de Lisboa), Ana Daniela Coelho (CEAUL- Universidade de Lisboa) & Hermínia Sol (CEAUL - Instituto Politécnico de Tomar)


    Submissions are open until December 20, 2019


    Publication of the dossier: July 2020


    We live in a new age of television series with more and more quality shows being produced every day (McCabe & Akass, 2007) not only for different channels (BBC, CBS, Fox, HBO, Showtime), but also for different (streaming) platforms (Netflix, Hulu, Amazon Prime), not to mention the growing popularity of the web series. The current “Golden Age” of television is usually seen as having started in mid-to-late nineties/early 2000s until today, with series comprising longer episodes like The Sopranos (1999-2007), Six Feet Under (2001-2005), Downton Abbey (2010-2015), or the more recent phenomena of Game Thrones (2011-2019), Narcos (2015-), Stranger Things (2016-), 3% (2016-) or Casa de Papel (2017); as well as shows with shorter episodes like The Big Bang Theory (2007-2019), Modern Family (2009-) or Black-ish (2014-). 


    These represent just a small fraction of a major wave of sophiscated creations that rise in quality and in quantity, thus giving more options to viewers and also to directors, actors, producers and all those involved in those creations. For some, this may pose a problem (Jeffrey, 2018) since with the numbers of programs rising this also means that too many choices may overwhelm audiences. For others, this is a unique opportunity to see what television programs have to offer and how they challenge the viewer with their “ability to bring into focus elements of the existing world” and explore the contemporary and current affairs – political, cultural, social or others (Shuster, 2018).


    With this in mind, and aware that this is still an ongoing debate, and in spite of all the diverse studies on new television programs, there is still room for discussion to be conducted looking at these shows via their culture, their modes of production and their history. Most of all, it is highly relevant to do so. Therefore, we are looking for essays on the different aspects of the new “Golden Age” – between 2000-2019 – on series created by different nations (or in co-partnership) and how they relate to our contemporaneity. Suggested topics include:


    - Television shows and contemporaneity;


    - Television shows as historical documents;


    - New modes of production and co-production;


    - Genres and subgenres;


    - Identity and culture national and/or international;


    - Interdisciplinary approaches;


    - Adaptations, remakes, reboots, sequels, prequels, etc;


    - Fan-based creations;


    - The New Golden Age?;


    We welcome submissions between 12-25 pages in English or in Portuguese. To submit please follow the link: http://revistas.ufac.br/revista/index.php/tropos/about/submissions#onlineSubmissions


    For any queries please write to the official email of the dossier: tvseriesdossier@gmail.com


    Visite nossa página no Facebook.



    ISSN: 2358-212X

     

  • NAWA

    A Revista Nawa está ligada a Pró-reitoria de Extensão e Cultura (Proex) da Universidade Federal do Acre. 

    Busca-se a publicação de resultados de projetos de extensão desenvolvidos na Ufac, nas demais universidades brasileiras e países fronteiriços, como meio de promover a troca de saberes e o debate democrático sobre educação, arte e cultura na Amazônia e em todo território nacional. 

    A periodicidade é semestral. 

    Para publicação no terceiro número, os textos devem ser submetidos até 10 de abril de 2018. A publicação vai ao ar em junho.

     ISSN 2527-1164