ANÁLISE DO LIVRO DIDÁTICO DE LITERATURA A PARTIR DE UMA PERSPECTIVA DIALÓGICA

  • Isac Silva França Federal University of Rio de Janeiro
Palavras-chave: Dialogismo, Ensino de Literatura, Livro Didático.

Resumo

O propósito deste artigo é analisar duas seções do Livro Didático “Português” (2004), de Abaurre, Pontara e Fadel, aprovado pelo PNLD para alunos do Ensino Médio, com o intuito de verificar se há ou não uma abordagem dialógica, como postulada por Bakhtin e seu círculo. Se sim, como ela é. Se não, o que os exercícios fazem? A análise deverá deter-se no âmbito da literatura, tendo como aporte teórico– Bakhtin/Voloshinov (2010)– Faraco (2009) e – Cereja (2005). A partir dos resultados, esperamos encontrar novas formas de contribuição para o ensino da literatura.

Biografia do Autor

Isac Silva França, Federal University of Rio de Janeiro
Programa Interdisciplinar de Pos-graduacao em Linguistica Aplicada

Referências

ABAURRE, Maria L.; PONTARA, Marcela N.; FADEL, Tatiana. Português. 2 ed. São Paulo: Moderna, 2004, p. 3- 151.

BAKHTIN, M. (Volochínov). A interação verbal. In: BAKHTIN, M. (Volochínov). Marxismo e filosofia da linguagem. Tradução de Michel Lahud e Yara Frateschi Vieira. São Paulo: Hucitec, 2010, p. 114-132.

BRASIL. Parâmetros curriculares nacionais para o Ensino Médio (Língua Portuguesa). Brasília: MEC, 2000.

BRASIL. PCN+: Orientações educacionais complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais (Linguagem, códigos e suas tecnologias/Língua Portuguesa). Brasília: MEC, 2002, p. 55-91.

BRASIL. Orientações curriculares nacionais para o Ensino Médio. (Linguagem, códigos e suas tecnologias/Conhecimentos de literatura). Brasília: MEC, 2006, p. 49-83.

BRIGHENTE, Furlan M.; MESQUIDA, Peri. Paulo Freire: da denúncia da Educação bancária ao anúncio de uma pedagogia libertadora. Pro-Posições, 2016, p. 155-177.

CEREJA, W. R. O dialogismo como procedimento no ensino de literatura. In: CEREJA, W. R. Ensino de Literatura: uma proposta dialógica para o trabalho com literatura. São Paulo: Atual, 2005, p. 162-195.

FARACO, C. A. Criação ideológica e dialogismo. In: FARACO, C. A. Linguagem e diálogo: as ideias linguísticas do círculo de Bakhtin. São Paulo: Parábola, 2009, p. 45-76.

PAULINO, M. das G. R. Algumas especificidades da leitura literária. In: PAIVA, A.; MARTINS, A.; PAULINO, G.; VERSIANI, Z. (Orgs.) Leituras literárias: discursos transitivos. Belo Horizonte: Autêntica, 2005, p. 55-68.

SOARES, Magda. Alfabetização e Letramento: Caminhos e Descaminhos. São Paulo: Unesp, 2004, 96-100.

ZILBERMAN, R. Porque a leitura da literatura na escola. In: GERHARDT, A. F. L. M; AMORIM, M. A. de.; CARVALHO, A. M. Linguística aplicada e ensino: língua e literatura. Campinas: Pontes, 2016, p. 209-230.

Publicado
2018-07-27
Seção
Artigos