AGRICULTURA: DAS PRÁTICAS TRADICIONAIS ÀS PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS - ALGUMAS PERSPECTIVAS PARA A SUSTENTABILIDADE NA AMAZÔNIA

  • Alexsande de Oliveira Franco Professor Doutor da Universidade Federal do Acre, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, , 2Professor do Programa de Pós-graduação em Geografia,
Palavras-chave: Amazônia, Agricultura, Modernidade, Sustentabilidade

Resumo

A agricultura sempre exerceu uma importante função a sobrevivência humana, desde o período neolítico. No início, unia prática localizada, simples e puramente de subsistência; com o passar do tempo a agricultura intensifica a transformação do espaço agrário, através da difusão de técnicas cada vez mais aperfeiçoadas. Esse processo de constante transformação desencadeou o avanço técnico e cientifico do espaço agrário, com maior incremento da produção e da qualidade, pois áreas inóspitas foram sendo incorporadas ao processo produtivo. A agricultura foi inserida na economia industrial passando a fornecer matéria-prima e alimento e a consumir máquinas, pesticidas e outros produtos industriais. No entanto, acompanhando a dinâmica agroindustrial, segue unia série de problemas de ordem social, econômica, político, cultural, e sobretudo ambiental para as populações do campo. Isso se deve ao fato da exclusão e expropriação das terras em todo o Brasil, porém, de forma peculiar na Amazônia, onde esse fato foi sentido mais fortemente devido à implantação da operação Amazônia e a expansão da fronteira agrícola desenvolvida pelo governo militar nos anos 1970. Nesse contexto de crise e problemas de toda a ordem, surgem os ideais sustentáveis e nesta concepção o conceito de agricultura sustentável ganha destaque, apresentando estratégias e possibilidades para a superação dos problemas em relação ao espaço agrário. 

Referências

ALTIERI, Miguel. Agroecologia: as bases científicas da agricultura alternativa. Rio de Janeiro: PTA/ FASE, 1989, p. 60.

_______. "Sustainability and the Rural Poor: a Latia American Perspective". In: ALLEN, Patrícia (org). Food for the future Nova York: John Wiley & Sons, 1993. p. 205.

BILSBORROW, R. E. & OKOTH-OGENNDO, H. W. O. "Population clriven changes in land use in developing coutries". Amibio 21 (I). 1992. p. 37-45.

CAVALCANTE, C. Desenvolvimento e Natureza: estudos para uma sociedade sustentavel/ Clovis Cavalcante, organizador. 3° ed. São Paulo: Cortez: Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2001.

CEDI, Rio - 92 e Fórum global: os compromissos do encontro da terra. Tempo e presença. Rio de Janeiro: Centro de Estudos de Documentação e Informação -CEDI, 14 (265): 21 - 28, set./out. 1992.

CHIAVENATO, J.I. O massacre da natureza. São Paulo: moderna, 1989 - (coleção polêmica).

COLLINS, J. L. Smallholder settlement of tropical south America. The social causes of ecological destruction. Human Organization, 45(1): I - 10, 1986.

Comissão Mundial para o Meio Ambiente e Desenvolvimento - CMMAD. Nosso futuro comum. Rio de Janeiro: FVG, 1991. 430 p. 2 ed.

COSTA SOBRINHO, P. V. Capital e Trabalho na Amazônia Ocidental: Contrição à Historia Social e das Lutas Sindicais no Acre. São Paulo: Cortez. Rio Branco, Ac: Universidade Federal do Acre, 1992.

DEMATTÊ, J. L. I. Manejo de Solos Ácidos dos Trópicos Úmidos, região Amazônica. Campinas: Fundação Cargill, 1998. 217 p.

DIAS, Genchaldo Freire - 1949. Educação Ambiental, principias e práticas Kienebaldo Freire Dias - 7 edição - São Paulo: Gaia, 2001.

DIEGUES, A C. S. O Mito Moderno da Natureza intocada. São Paulo: Nepaub/ USP, 1994.

DUBOIS, J. C. L.; VIANA, V. M.; ANDERSON, V. M. Manual Agroflorestal para a Amazônia. Rio de Janeiro: REBRAF, V. I, 1996.

ELIZABETSKY, E.; POSEY, D. A. Pesquisa Etnofarmacológica e recursos naturais no trópico úmido: o caso dos índios kaiapós de Brasil e suas implicações para a Ciência médica. In: Simpósio do Trópico Úmido, 1., Belém, 1984. Anais. Belém: EMBRAPA- CPATU, 1986.

EMBRAPA. Alternativas para prática das queimadas na agricultura: recomendações tecnológicas. Brasília: Embrapa, 2000.

EMBRAPA. Atlas de meio ambiente do Brasil. Brasília: Empresa Brasileira de pesquisa agropecuária - EMBRAPA. Fundação Banco do Brasil, terra viva, 1994.

FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação). "Relatório da Conferência da FAO/ Holanda sobre Agricultura e Meio ambiente", 1991, in: AS-PTA. Agricultura Sustentável, Rio de Janeiro: Textos para Debate, N. 45, 1992, p. 16, (Tradução John Cunha Comerford e Lourdes Grzybowski).

FASSBENDER, H. W. 1987. Modelos edafológicos de sistemas agroflorestales. Turrialba - Costa Rica, CATIE, 475p. (Série materiales di Ensenanza, 29).

FLORES, Murilo X. et al. "Pesquisa para a agricultura auto-sustentável", revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, 29 (I) p. 3, jan.-mar., 1991.

FRANKE, I. L; AMARAL, E. F. do; LUNZ, A. M. P. Sistemas Agroflorestais do Acre: problemática geral, perspectivas, estado atual de conhecimento e pesquisa. Rio Branco: (EMBRAPA — CPAF/ AC. Documento 38).

FUNDAÇÃO DE TECNOLOGIA DO ESTADO DO ACRE (FUNTAC). Monitoramento da cobertura Florestal do Estado do Acre: desmatamento e uso atual da terra. Rio Branco: FUNTAC, 1996 (no prelo).

FUNDAÇÃO DE TECNOLOGIA DO ESTADO DO ACRE (FUNTAC). Monitoramento da cobertura Florestal do Estado do Acre: desmatamento e uso atual da terra. Rio Branco: FUNTAC, 1990, 214 p.

GIANSANTI, R. O Desafio do Desenvolvimento Sustentável. Coordenação Sueli Angelo Furlan, Francisco Searlato - São Paulo: Atual, 1998.

GLICO, N. Política, sustcntabilidad ambiental y envolución patrimonial. Pensamento Iheroamericano, 12: 23 - 39, 1987,

GLOBAL ACTION. "Sustainable agriculture and food security". Briefing between the summits down to Earth, Copenhague, dezembro (mimeo), 1993, p I.

GOLLEY, F. B. Ciclagem de Minerais em um Ecossistema de Floresta Tropical Úmido. Tradução Eurípides Malavolta. São Paulo: EPU, 1978.

KITAMURA, P. C. A. Amazônia e o Desenvolvimento Sustentável: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Centro Nacional de Pesquisa de Monitoramento de Impacto Ambiental — Brasília: EMBRAPA — SPI, 1994. 182 p.

KURZ, R. O programa suicida da economia: crescimento economico pode inviabilizar em Apouco tempo a vida na Terra. Folha de São Paulo, 216/96.

MYERS, N. El Atlas Gaia de ler gesrión dei planeta. Madrid: Hermano Blume, 1987.

MORAN, E. F. A. The Adaptative System of the Amazonian caboclo. In: WAGLEY, C Man in the Amazon. Gainesville: University of Florida, 1974.

MORAN, E. F. A. Developing the Amazon. Bloornington: Indiana University Press, 1981.

MORAN, E. F. A. Ecologia Humana das populações da Amazônia. Petropólis: Vozes, 1990.

NASCIMENTO, C.N.B. do; HOMMA, A. K. O. Amazônia: meio ambiente e tecnologia agrícola. Belém: EMBRAPA-CPATU, 1984. p. 279 (EM B RAPA-CPATU, Documentos, 27).

NRC. Toward Sustainability, a plan for Collaborative Research on Agriculture and Natural Rcsourse Management Washington, D. C: National Academy Press, 1991, p. 2.

ORGANIZACION E ESTUDIOS TROPICALES (OTS & CATIE, 1986). Sistemas Ariolorestales: principias y aplicaciones en los tropicos. San Jose, Costa Rica, OTIS/ CATIE. 817 p.

POSEY, D. A. Indigenous Knowledge and Development: and ideological bridge to the Future. Ciência e Cultura, 35 (7): 877 — 94, 1983.

POSEY, D. A. Indigenous Management of Tropical Forest Ecosystems: the case of the Kayapo Indians of Brazilian Amazon. Agroforestry Systems, 3: 139-158, 1985

SCHEITMAN, A. Analisis integral del problema alimentario y nutricional em America Latina. Estudios rurales Latinownericanos, 6 (2-3): 141- 180, 1983.

SEVERINO, Antônio Joaquim, 1941 — Filosofia. São Paulo: Cortez, 1994 - (coleção magistério 2" grau, série formação geral).

SMITH, N. J. H. & SCHULTES R. E. Deforestation in simple and shrinking crop gene pool. Amazon evironmental conservation. 17: 22 – 234, 1990.

SUNKEL, O. The interaction between styles o1 development and the environment in latin America. CEPAL. Review, 12: 15-50, 1980.

VIEIRA, I. C. A. Importância de áreas Degradadas no Contexto Agrícola e Ecológico da Amazônia. In: Bases cientificas para estratégias de preservação e desenvolvimento da Amazônia. Editado por Efren J. G. Ferreira; Geraldo M. dos Santos; Elizabeth I. m. Leão e Luiz Antônio de Oliveira. Manaus: INPA, 1993.

WADE, M. K.; SANCHEZ, P. A. Mulching and Green Manure Applications for Contínuos Crop Production in the Amazon Basin. Agronomy journal, v. 75 n. 39, jan./fev., 1983.
Publicado
2019-12-06