CORPO E CONSUMO: O MASCULINO EM ANÚNCIOS DA REVISTA VEJA NO PERÍODO DE 2008 A 2018

  • Jorge Luiz Resende Nogueira Universidade Federal do Tocantins - UFT
  • Francisco Gilson Rebouças Porto Junior
Palavras-chave: Corpo, masculino, propaganda, consumo.

Resumo

Este artigo discute o uso do corpo masculino em exposição nos anúncios veiculados na revista Veja. O homem, que por muito tempo foi o receptor da mensagem, na contemporaneidade ganha destaque nos meios de comunicação de massa e torna-se, através do próprio corpo, a mensagem. E que corpo é esse? Discurso? Linguagem? Suporte? Sintoma da cultura, narrativa? Para tentar responder essas questões, delimitamos um objeto de pesquisa com recorte temporal. Analisaram-se 66 edições da revista Veja, durante 11 anos, 6 revistas por ano. A metodologia aplicada foi a análise de conteúdo, à luz de Bardin (1977), segundo a qual cinco anúncios publicitários foram selecionados, categorizados e analisados. Para compreender a sociedade atual e o corpo do sujeito pós-moderno, autores fundamentais nesta investigação foram Lipovestky (1983, 2004, 2007), Canevacci (2008), Baudrillard (1995, 2005) Le Breton (2003, 2006) e Ortega (2003, 2006), entre outros, que deram suporte para as investigações e o embasamento teórico das discussões.

Publicado
2019-11-16
Como Citar
Resende Nogueira, J. L., & Porto Junior, F. G. R. (2019). CORPO E CONSUMO: O MASCULINO EM ANÚNCIOS DA REVISTA VEJA NO PERÍODO DE 2008 A 2018. TROPOS: COMUNICAÇÃO, SOCIEDADE E CULTURA (ISSN: 2358-212X), 8(2). Recuperado de https://periodicos.ufac.br/index.php/tropos/article/view/2828
Seção
Artigos