A AGENDA NEOLIBERAL E A PRECARIZAÇÃO DO TRABALHO DOCENTE NO BRASIL: NOTAS SOBRE AS CONTRARREFORMAS EM CURSO

  • Tiago Soares Nogara

Resumo

O trabalho a seguir visa contextualizar as atuais reformas em curso no Brasil no âmbito de uma agenda política e social mais ampla, marcada pelos ditâmes do “pensamento único” neoliberal. A hipótese do trabalho é de que as reformas tendem a corroborar a precarização do trabalho docente no país. Num primeiro momento, será apresentado o conceito de neoliberalismo e o contexto de sua ascensão. Em seguida, as reformas, ou contrarreformas, em curso no país serão descritas e analisadas. Por fim, será desenvolvido um balanço das implicações destas reformas para o cotidiano do trabalho docente no Brasil, conformando os elementos da conclusão do trabalho.

Publicado
2018-12-05
Como Citar
Nogara, T. S. (2018). A AGENDA NEOLIBERAL E A PRECARIZAÇÃO DO TRABALHO DOCENTE NO BRASIL: NOTAS SOBRE AS CONTRARREFORMAS EM CURSO. TROPOS: COMUNICAÇÃO, SOCIEDADE E CULTURA (ISSN: 2358-212X), 7(2). Recuperado de https://periodicos.ufac.br/index.php/tropos/article/view/1952
Seção
Artigos