CONSULTÓRIA SOLIDÁRIA NA EMPRESA “BARRIGA CHEIA” NO BAIRRO SOBRAL, RIO BRANCO, ACRE

  • João Vitor Vieira de Freitas UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE https://orcid.org/0000-0001-9846-461X
  • Ruan Carlos Ferreira de Lima UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE
  • Rubicleis Gomes da Silva Tutor do Programa de Educação Tutorial do Curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal do Acre (UFAC); Docente do Curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal do Acre (UFAC)

Resumo

Introdução: Pode destacar como alguns dos fatores determinantes para o insucesso das empresas, a ausência dos controles dos custos e a alocação equivocada de recursos. O mercado de pizzaria em Rio Branco é concorrencial. Foi realizada uma consultoria solidária, um método de levar a universidade a quem mais precisa de assistência econômica, o empreendedor. Objetivos: O presente trabalho tem como objetivo principal realizar uma consultoria de custo na pizzaria Barriga Cheia, buscando diagnosticar como vem operando o empreendimento, sendo objetivos secundários a melhoria na alocação dos recursos e sugestões para o estabelecimento. Método: Foi utilizado como referencial teórico a teoria dos custos, sendo utilizado os conceitos de custos fixos (custos que não dependem da produção), e custos variáveis (custos que variam de acordo com a produção), e principalmente o custo unitário, que é o custo para produzir uma unidade de algum bem. Com esse arcabouço teórico, foi realizado a pesagem dos insumos variáveis, coleta dos preços em estabelecimentos comerciais e contabilizados todos as ferramentas e matérias para produção das pizzas, além de outros gastos fixos, como custo de oportunidade, aluguel, salários e outros. Buscando encontrar o custo unitário de 9 (nove), sabores de pizzas em 4 diferentes tamanhos (P, M, G e GG). Resultados: Com a coleta, foram realizados todos os cálculos e encontrados os custos unitários das 36 (trinta e seis) pizzas, fazendo comparação entre cada uma delas, sendo observado que os custos fixos representam as maiores porcentagens nos custos de fabricação das pizzas. Com destaque para os salários e o custo de oportunidade. Sendo que as pizzas de tamanho P apresentam os menores lucros, em alguns casos prejuízos. Foram realizadas as seguintes situações: compra no estabelecimento, com taxa de crédito e débito e com taxa de entrega. Conclusão: Conclui-se que a pizzaria se encaminha a ficar no mercado no longo prazo, pois apresenta lucro econômico que é a condição essencial para permanência no mercado. Apesar dos bons resultados, foram diagnosticados alguns problemas e exposto sugestões de soluções, principalmente para vendas com entregas, satisfazendo o objetivo secundário de melhor alocação dos recursos.

Publicado
2019-10-29
Como Citar
João Vitor Vieira de Freitas, Ruan Carlos Ferreira de Lima, & Rubicleis Gomes da Silva. (2019). CONSULTÓRIA SOLIDÁRIA NA EMPRESA “BARRIGA CHEIA” NO BAIRRO SOBRAL, RIO BRANCO, ACRE. ARIGÓ - Revista Do Grupo PET E Acadêmicos De Geografia Da Ufac, 2(1), 18. Recuperado de https://periodicos.ufac.br/index.php/arigoufac/article/view/3011