Uma aula de campo no assentamento Carimã, Rondonópolis-MT, para promover a educação ambiental contextualizada, numa perspectiva interdisciplinar

  • Maria Aparecida Araújo Softov
  • Salete Kiyoka Ozaki

Resumo

Este projeto, desenvolvido com alunos do 3ºano do ensino médio da escola Major Otavio Pitaluga, em Rondonópolis – MT, teve como objetivo relatar o uso da aula de campo como ferramenta para a aprendizagem de conceitos do tema meio ambiente, numa perspectiva interdisciplinar. Buscaram-se estratégias para promover a interação entre professores e alunos e o meio ambiente.  A metodologia desenvolvida foi qualitativa com viés de estudo de caso. A forma avaliativa constituiu-se de relato de observação em campo, e a produção de textos, imagens, depoimentos e relatórios. Os resultados atestam a ocorrência da aprendizagem e mudanças de atitudes. E proporcionou aos estudantes o aumento da própria percepção acerca da necessidade de preservar o meio ambiente por meio da educação ambiental. Quanto à interdisciplinaridade, a proposta vem sendo amadurecida, com os professores fazendo exercícios de saírem de suas disciplinas rígidas para interagir com as outras áreas e construir conhecimentos para além da fragmentação dos conteúdos.

Palavras-chave: Aula de campo.  Interdisciplinaridade. Responsabilidade coletiva.

Publicado
2019-12-10
Seção
Relatos de Experiência