Aspectos econômicos da exploração florestal nos trópicos

um estudo de caso da atividade de arraste em uma floresta manejada no estado do Amazonas, 2017

  • Larisse Ganda Universidade Federal do Acre
  • Zenobio Silva

Resumo

O estudo abordou a exploração florestal realizada na Amazônia brasileira. O seu objetivo foi, ao gerar informações econômicas sobre o custo operacional da atividade de arraste florestal na região de fronteira entre os estados do Amazonas e Acre, subsidiar a elaboração de políticas públicas voltadas a fomentar o uso sustentável dos recursos florestais locais. Para tal, foram coletados dados de cinco tratores florestais utilizados na atividade de arraste no segundo semestre do ano de 2017 na referida área de interesse. Como parte do método adotado, na medição e caracterização da produtividade, da disponibilidade mecânica, dos custos fixo, variável e total operacional do arraste florestal, foram usadas equações indicadas para a apropriação desses valores; na identificação e avaliação dos valores mais representativos do custo da operação do trator florestal, os números gerados foram comparados com valores obtidos em outros estudos realizados. Os resultados obtidos permitiram concluir que: (a) Entre os skidders analisados, dois se destacaram com maiores produtividades e disponibilidade mecânica; (b) A disponibilidade mecânica entre os tratores foi acima de 50%; (c) Os custos fixos apresentaram os menores valores, quando comparados aos custos variáveis e (d) Três tratores apresentaram resultados favoráveis de produção, disponibilidade mecânica e custos operacionais.

Publicado
2019-12-10
Seção
Artigos Científicos