ANÁLISE MULTIVARIADA DOS PARÂMETROS FÍSICO-QUÍMICOS DA GASOLINA “TIPO C” COMERCIALIZADA NO VALE DO JURUÁ - ACRE.

  • William Ferreira Alves Universidade federal do Acre
  • Rebeca de Lima Universidade Federal do Acre
  • Jeniffer Shyrlen Pereira Universidade federal do Acre
  • Fabricio Rivelli Mesquita Universidade Federal do Acre

Resumo

A gasolina adulterada causa danos ao motor e em seu desempenho, poluição do Meio Ambiente, doenças respiratórias e até neurodegenerativas sendo um dos problemas em escala mundial e ocorrendo comumente no Brasil. Diante disso esse trabalho  analisou 12 amostras de gasolinas dos postos de combustíveis dos municípios de Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Cruzeiro do Sul, do Estado do Acre  e comparou com um controle fornecido pela distribuidora responsável pelo fornecimento de gasolina para os postos analisando-as quanto a  densidade, índice de refração e teor de álcool. Todas as amostras foram analisadas por técnicas multivaridas como análise de agrupamento hierárquico (HCA) e a análise de componentes principais (PCA). Pela análise de índice de refração observou-se somente 4 postos com os valores de índice de refração próximos a gasolina padrão (PA) e o resultado de análise de teor de álcool, somente 1 posto apresentou teor de 27% de álcool na gasolina. Conclui-se que as análises de HCA e PCA revelaram a formação de agrupamentos e similaridades entre os postos, indicando possível adulteração.

Biografia do Autor

William Ferreira Alves, Universidade federal do Acre
Centro Multidisciplinar

Referências

VEMPATAPU, B.P.; KANAUJIA, P.K.; Monitoring petroleum fuel adulteration: A review of analytical methods. Trends in Analytical Chemistry, v. 92, p. 1-11, 2017.

MABOOD, F.; GILANI, S.A.; ALBROUMI, M.; ALAMEN, S.; AL NABHANI, M. N. O.; JABEEN, F.; HUSSAIN, J.; AL- HARRASI, A.; BOQUÉ, R.; FAROOQ, S.; HAMED, A. M.; NAUREEN, Z.; KHAN, A.; HUSSAIN, Z. Detection and estimation of Super premium 95 gasoline adulteration with Premium 91 gasoline using new NIR spectroscopy combined with multivariate methods. Fuel, v. 197, p. 388–396, 2017.

PASADAKIS, N.; GAGANIS, V.; FOTEINOPOULOS.; Octane number prediction for gasoline blends. Fuel Processing Technology, v. 87, p. 505 – 509, 2006.

TAKESHITA, E.V.; Adulteração de gasolina por adição de solventes: análise dos parâmetros físico-químicos. (Dissertação), Mestrado em Engenharia química - Centro Tecnológico da Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis-SC, 2006.

SPELLER. N.C; SIRAJ, N; VAUGHAN. S; SPELLER. L.N; WARNER, I.M.Q.C.M.; Virtual multisensor array for fuel discrimination and detection of gasoline adulteration. Fuel, v. 199, v. 38–46, 2017.

RÉ-POPPI, N.; ALMEIDA, F.F.P.; CARDOSO, C.A.L.; RAPOSO JR., J.L.; VIANA, L.H.; SILVA, T.Q.; SOUZA, J.L.C.; FERREIRA, V.S.; Screening analysis of type C Brazilian gasoline by gas chromatography – Flame ionization detector. Fuel v. 88, p. 418-423, 2009.

SILVA, M.P.F.; BRITO, L.R.; HONORATO, F.A.; PAIM, A.P.S.; PAQUINI, C. PIMENTEL, M.F.P.; Classification of gasoline as with or without dispersant and detergent additives using infrared spectroscopy and multivariate classification. Fuel v. 116, p. 151-157, 2014.

TAKESHITA, E.V.; REZENDE, R.V.P.; SOUZA, S.M.A G.; SOUZA, A.A.U.; Influence of solvent addition on the physicochemical properties of Brazilian gasoline. Fuel v.87, p. 2168–2177, 2008.

MILANEZ, K. D.T.M; SILVA, A.C; PAZ, J.E.M; MEDEIROS, E. P; PONTES, M. J. C. Standardization of NIR data to identify adulteration in ethanol fuel. Microchemical Journal, v. 124, p. 121–126, 2016.

WEI, L.; PENG, G.; A review on natural gas/diesel dual fuel combustion, emissions and performance. Fuel Processing Technology, v. 142, p. 264-278, 2016.

TEIXEIRA, L.S.G.; GUIMARÃES, P.R.B.; PONTES, L.A.M.; Studies on the Effectsof Solvents on the Physicochemical Properties of Automotive Gasoline, Society of Petroleum Engineers, v.69587, p.1-6, 2001.

GEDIK, K., UZUN, Y.; Characterization of the properties of diesel-base oil-solvent-waste oil blends used as generic fuel in diesel engines, Fuel Processing Technology, v. 139, p. 135, 2015.

DAGOSTIN, A.P.D.; Estudo da contaminação da gasolina com Solvente para borracha. (monografia) Central de Analise, Florianópolis, 2003.

OLIVEIRA, F.S.D.; TEIXEIRA, L.S.G.; ARAUJO, M.C.U.; Screening Analysis to Detect Adulterations in Brazilian Gasoline Samples Using Distillation Curves, Fuel, v. 83, p.917-923, 2004.

DOS SANTOS, A.A.; DE ASSUNÇAO, G.V.; FILHO, V.E.M.; Avaliação das características físicas da gasolina “C” comum comercializada na cidade de São Luis-MA. Cad. Pesq. V. 13, n.2 p. 16-24, 2002.

PUPPIM, A.; Desenvolvimento de uma Sistemática de detecção de gasolina adulterada pela técnica de TGA-FTIR. (Monografia) Engenharia de Energia Universidade de Brasília – UnB, Brasil, 2015

SANTOS, K.M; ANDRADE, J.M.; SEVERIANO, M.L.; MEDEIROS, M.A.; FERNANDES, N.S.; FERNANDES, V.J.; Uso da refratometria na avaliação de não conformidade da gasolina tipo “C’, 2° Congresso Brasileiro de P&D em Petróleo & Gás, Rio de Janeiro, 2003.

DAZZANI, M.; CORREIA, P.R.M.; OLIVEIRA, P.V.; MARCONDES, M.E.R.; Explorando a Química na determinação do teor de Álcool na Gasolina, Quimica Nova na Escola, n. 17, p. 42, 2003.

ALEME, H.G.; BARVEIRA, P.J.S.; COSTA, L. M.; Determinação da densidade de amostras de gasolina utilizando curvas de destilação e calibração multivariada PLS, 31o Sociedade Brsileira de Química (SBQ), Agua de Lindoia, 2009.

FRANCESQUETT, J.Z.; DOPKE, H.B.; DA COSTA, A.B.; KIPPER, L.M.; FERRAO, M.F.; Determinaçao do poder calorifico de amostras de gasolina utilizando espectroscopia no infravermelho proximo e regressao multivariada. Orbital: The Electronic Jornal of Chemistry, n. 2, v. 5, 2013.

CARVALHO, F.I.M.; DANTAS FILHO, H.A.; Estudo da qualidade da gasolina tipo “A” e sua composição química empregando análise de componentes principais, Quimica Nova, v. 37, n. 1, 33-38, 2014.

Publicado
2019-08-01
Seção
Artigos de Ciências da Vida