CONSCIÊNCIA NEGRA

O REGGAE COMO ENFOQUE GLOBALIZADOR DE PROJETO DE TRABALHO NO FOMENTO À PERTENÇA IDENTITÁRIA DOS(AS) ALUNO(AS) AFRO-MARANHENSES DA ESCOLA MUNICIPAL MAIOBINHA

Autores

  • Rosangela Coêlho Costa PPGEEB/UFMA
  • Antonio de Assiz Cruz Nunes Universidade Federal do Maranhão (UFMA)

Palavras-chave:

Reggae, Projeto de trabalho, Pertença identitária

Resumo

Esta pesquisa, desenvolvida a partir de uma intervenção pedagógica realizada em sala de aula, versa sobre o reggae como tema de enfoque globalizador do projeto de trabalho. Abordamos as experiências pedagógicas vivenciadas na escola como possibilidade de potencializar, nos discentes, a valorização dos aspectos culturais afro-brasileiros, o respeito às diferenças raciais e a aceitação da sua identidade étnica. Nesse contexto, com o objetivo de possibilitar situações de aprendizagem por meio do projeto de trabalho, escolheu-se o reggae, que se estabeleceu a partir dos anos de 1970 no Maranhão, por este ser um gênero musical peculiar da cultura afro-maranhense e importante elemento de difusão e valorização da identidade cultural da população negra, com destaque para a questão étnico-racial. O estudo, que conta com metodologia qualitativa, estudo de caso e análise bibliográfica, teve como local de pesquisa a Escola Municipal Maiobinha, localizada no município de São José de Ribamar – MA, e originou-se do seguinte questionamento: Como fomentar nos(as) alunos(as) a sensibilização e a valorização da identidade da população negra no contexto escolar? Com base nesse questionamento a pesquisa aponta as distinções entre o projeto de trabalho e pedagogia de projeto, no prospecto da utilização do projeto de trabalho como metodologia de ensino e importante ferramenta na prática pedagógica para o ensino das relações étnicos raciais.

Biografia do Autor

Rosangela Coêlho Costa, PPGEEB/UFMA

Mestra em Educação - Gestão de Ensino da Educação Básica - Programa de Pós- Graduação em Gestão de Ensino da Educação Básica. PPGEEB/ UFMA. Especialista em Políticas de Igualdade Racial no Ambiente Escolar. UFMA (2015/2016). Especialista em Gênero e Diversidade na Escola - UFMA (2013/2014)) Pós- Graduação Lato Sensu em Educação Profissional integrada com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovem e Adultos pelo Instituto Federal de Educação. Ciência e Tecnologia do Maranhão- IFMA (2009).Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa Investigações Pedagógicas Afrobrasileiras . GIPEAB ((2015) do Departamento de Educação I . (UFMA) ,atuando principalmente no seguinte tema: reggae roots. identidade étnica. afromaranhense. Licenciada em Geografia UEMA (2008). Atualmente é professora da Rede Municipal de São José de Ribamar e da Prefeitura Municipal de São Luís. Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Geografia Geral e docência nos Anos Inicias do Ensino Fundamental. Possui graduação em Geografia Licenciatura pela Universidade Estadual do Maranhão (2008).

Antonio de Assiz Cruz Nunes, Universidade Federal do Maranhão (UFMA)

Doutor em Educação pela Unesp/Marília-SP. Especialista em Planejamento Educacional pela Universidade Salgado de Oliveira (RJ).Especialista em Avaliação à Distância pela Universidade de Brasília. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Maranhão. Atualmente é Professor Adjunto I da Universidade Federal do Maranhão, na qual leciona Metodologia da Pesquisa Educacional e Pesquisa Educacional. É graduado em Pedagogia pela UFMA. É membro da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros (ABPN). É sócio da Associação de Pesquisadores em Educação. Coordena o Grupo de Estudos e Pesquisa Investigações Pedagógicas Afrobrasileiras (GIPEAB) do Departamento de Educação I (UFMA). É Consutor Ad hoc da FAPEMA. É Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Gestão de Ensino da Educação Básica (PPGEEB) da UFMA. Tem várias publicações em anais de congressos sobre estudos etnico-raciais, especialmente cotas para negros. Foi co-fundador do Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escola. Desenvolve estudos na área de relações étnicas e raciais e metodologia de pesquisa educacional. 

Referências

BRASIL. Plano nacional de implementação das diretrizes curriculares nacionais para educação das relações étnico-raciais e para o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana. Brasília: MEC, SECADI, 2013.

BRASIL. Lei nº 10.639, de 9 de janeiro de 2013. Plano nacional de implementação das diretrizes curriculares nacionais para educação das relações étnico-raciais e para o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana. Brasília: MEC, SECADI, 2013.

BRASIL, Ramusyo. O reggae no caribe brasileiro. São Luís: Pitomba, 2014.

FONSÊCA, Alexandro Víctor de Lima. Orientação Geográfica: uma proposta metodológica para o ensino de geografia na 5ª série. 2004. 146 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2004.

GIANSANTI, Roberto. Atividades para aulas de geografia. 1. ed. São Paulo: Nova Espiral, 2009.

HERNANDÉZ, Fernando. Transgressão e mudança na Educação: o projeto de trabalho. Porto Alegre: Artmed, 1998.

HERNANDÉZ, Fernando; VENTURA, Monserrat. A organização do currículo por projetos de trabalho. Tradução de Jussara Haubert Rodrigues. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 1998.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade Marconi. Fundamentos de metodologia científica. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2003.

MUNANGA, Kabenlege; GOMES, Nilma Lino. O negro no Brasil de hoje. 2. ed. São Paulo: Global, 2016.

SILVA, Carlos Benedito Rodrigues da. Da terra das primaveras à ilha do amor: reggae, lazer e identidade cultural. São Luís: EDUFMA, 2016.

SILVA, Petronilha Beatriz Gonçalves e. Aprender, ensinar e relações étnico-racial no Brasil. In: SILVA, Marcus Vinícius; SILVA, Carolina Mostaro Neves da; FERNANDES, Alexsandra Borges (Orgs). Relações Étnico-raciais e Educação no Brasil. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2011.

TRIVIÑOS, Augusto Nibaldo Silva. Introdução à pesquisa em ciências: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

VASCONCELLOS, Celso dos Santos. Metodologia dialética do conhecimento em sala de aula. Revista de Educação AEC, Brasília, v. 21, n. 83, p. 28-55, abr/jun. 1992.

VASCONCELLOS, Celso dos Santos. Construção do conhecimento em sala de aula. São Paulo: Libertad. 2005.

Downloads

Publicado

2021-05-26

Como Citar

Coêlho Costa, R., & de Assiz Cruz Nunes, A. (2021). CONSCIÊNCIA NEGRA: O REGGAE COMO ENFOQUE GLOBALIZADOR DE PROJETO DE TRABALHO NO FOMENTO À PERTENÇA IDENTITÁRIA DOS(AS) ALUNO(AS) AFRO-MARANHENSES DA ESCOLA MUNICIPAL MAIOBINHA. Revista Em Favor De Igualdade Racial, 4(2), 143–154. Recuperado de https://periodicos.ufac.br/index.php/RFIR/article/view/4262