Alteração da cor de duas madeiras amazônicas tratadas com produtos de acabamento

  • Michelle Bezerra da Silva Siebra
  • Neila Cristina de Lima Fernandes
  • Patrícia Gomes Ribeiro
  • Moisés Silveira Lobão

Resumo

Os tratamentos dados à madeira acarretam, por vezes, alterações de suas propriedades, como a coloração, podendo ser positivas ou negativas, dependendo do uso ao qual a madeira será empregada. Assim, o trabalho avaliou a alteração da cor de duas madeiras comercializadas na região Amazônica tratadas com produtos de acabamento superficial comumente utilizados na confecção de móveis e pisos. Para realização do estudo utilizou-se 30 amostras, separadas por espécie, distribuídas em dois tratamentos (verniz e seladora) e a testemunha. Os ensaios de colorimetria foram realizados no Laboratório de Tecnologia da Madeira do Departamento de Engenharia Florestal da Universidade de Brasília. Como resultado, a aplicação de produtos de acabamento modifica a cor das madeiras, ao passo que ao serem tratadas com verniz as espécies podem ser facilmente confundidas. A aplicação de verniz causou escurecimento da cor e com o uso de seladora a variação foi pouco perceptível. As propriedades características de cada uma aliada aos tratamentos da madeira se apresentam como ferramentas fundamentais para indicar o uso adequado destas.

Publicado
2020-05-07
Seção
Artigos Científicos